Curso Intensivo sobre a Raça Senepol é sucesso no Camaru 2016

Celso Menezes

A segunda edição do “Curso Intensivo sobre a Raça Senepol para o Criador” foi encerrada ontem (31/08), na 53ª Exposição Agropecuária de Uberlândia – Camaru Agronegócios 2016, em Uberlândia/MG, com a participação de mais de 50 pecuaristas de várias partes do Brasil. O sucesso do curso, que abriu a série de atividades programadas pela Associação Brasileira dos Criadores de Bovinos Senepol (ABCB-Senepol) para a feira, levou a diretoria da entidade a inseri-lo em seu calendário oficial de eventos. O curso terá um caráter itinerante e ocorrerá em regiões diferentes do país para atender a grande demanda por capacitação técnica sobre a raça. “Quando realizamos a primeira edição do curso em abril, na capital Campo Grande/MS, muitos criadores solicitaram que o evento fosse realizado com frequência, pois era uma forma deles se capacitarem em relação aos avanços da raça. Agora, vamos definir quais locais sediarão as próximas edições para que possamos atender a um número maior de criadores”, diz Itamar Neto, diretor Administrativo da ABCB-Senepol.

Para os novos criadores, esta foi uma oportunidade de aprender mais sobre as ferramentas de seleção. “Optei por selecionar Senepol por ser uma raça precoce, que traz resultados positivos e muito dócil. E saber mais sobre a seleção dos animais foi muito importante, especialmente sobre o programa de melhoramento genético Geneplus, e como ele pode ajudar no avanço genético do rebanho, e sobre o trabalho dos técnicos da ABCB-Senepol.”, destacou o criador Roberto Menezes de Faria, que cria a raça em Monte Alegre de Minas/MG há quase dois anos com foco na venda de tourinhos. Faria, que pela primeira vez participa como expositor em uma feira agropecuária, acredita que o Curso é fundamental para todo criador que está entrando na raça.

Foram dois dias de aulas teóricas e práticas, com uma programação que abrangeu temas que vão desde a origem da raça, padrão racial, importância do Registro Genealógico, desempenho reprodutivo, dentre outros temas. As aulas práticas ocorrem na tarde desta quarta-feira no pavilhão de animais do CAMARU, focando a metodologia de registro na prática e padrão racial de machos e fêmeas. O criador Ronnie Guerra Adão, que cria Senepol há 5 anos, pretende avançar na sua seleção de touros PO aderindo ao programa de melhoramento da raça. “O curso me possibilitou conhecer mais sobre consanguinidade e como evitá-la, a origem do Senepol e sobre o trabalho dos técnicos. Agora, volto para minha propriedade com o propósito de ter as avaliações genéticas do meu rebanho por meio do programa de melhoramento.”, diz Ronnie Guerra Adão. Ele tem fazendas no Mato Grosso e em Minas Gerais e produz touro PO e destaca que o mercado está muito aquecido.

O curso teve como palestrantes o superintendente Técnico da ABCB-Senepol Celso Menezes, o presidente do Conselho Deliberativo Técnico (CDT) Pedro Crosara, o médico veterinário da HMS Consulting Luciano Coelho, o médico veterinário Júnior Fernandes, o médico veterinário da RS Consultoria Rodrigo Ribeiro Cunha e o pesquisador Embrapa/Geneplus Gilberto Menezes. “Como o curso é direcionado para criadores, tratadores, estudantes e o público em geral, a linguagem utilizada foi bem simples e a metodologia de ensino bem prática e objetiva. Nossa intenção foi dar uma visão mais ampla do potencial da raça. Faz parte do plano de ações do CDT e da Diretoria Executiva de expandir para todo o Brasil, informações técnicas sobre o Senepol, pois trata-se de uma raça nova em nosso país e que carece deste tipo de informações”, esclareceu o superintendente Técnico da ABCB-Senepol Celso Menezes.