Avanços do setor e do Senepol dão o tom do Dia Nacional da Pecuária

senepol

O 14 de outubro é a data em que se comemora o Dia Nacional da Pecuária. O setor tem muito que comemorar nessa data. Com a adoção de tecnologias, a pecuária brasileira conseguiu elevar consideravelmente seu rebanho, chegando aos atuais 204 milhões de cabeças mesmo com a redução das áreas de pastagem.  Nas últimas três décadas, as pastagens diminuíram 8%, chegando a cerca de 152 milhões hectares em pastagens. Por outro lado, a produção de carne e leite cresceu. O país está entre os maiores exportadores e produtores de carne.

slide4

Esse avanço da pecuária leiteira tem forte contribuição do melhoramento genético das raças bovinas mais adaptas ao clima do país, como é o caso do Senepol. Para o zootecnista e Jorge Carlos Dias de Souza, que coordenou abates técnicos com a raça, o Senepol se constitui em opção viável aos nossos sistemas de produção não só em relação à qualidade da carne, como também por sua capacidade de adaptação e pelo bom desempenho sob nossas condições climáticas. “Cobrir a campo tem sido o grande diferencial da raça, que também consegue interferir e agregar valor inicial na comercialização dos produtos oriundos da fase de cria e produzir fêmeas F1, filhas de touros Senepol como unidade básica do rebanho com precocidade sexual ainda muito jovem, boa habilidade leiteira e longevidade reprodutiva, com custo de manutenção menor em função do porte.”, destaca Souza.

Na opinião do pecuarista Estevão Barra Bernardes, proprietário do Senepol Constelação, localizado em Uberlândia/MG, a atividade pecuária está cada dia mais desafiadora e competitiva e os mercados consumidores mais exigentes exigindo que o produtor seja cada dia mais eficiente. “O Senepol reúne inúmeras características desejáveis e necessárias para o modelo de pecuária do Brasil (extensiva e a pasto), que visa melhorar a qualidade do rebanho de corte predominantemente zebuíno através do cruzamento com raças taurinas. O Senepol é a única raça capaz de fazer isso com eficiência nos trópicos por monta natural. O reprodutor é o mais indicado para programas de cruzamento por agregar precocidade tanto sexual, quanto de acabamento de carcaça, com qualidade de carne e melhora nos índices zootécnicos da fazenda.”, destaca Bernardes.

Para o presidente da Associação Brasileira dos Criadores de Bovinos Senepol (ABCB Senepol), há muito que comemorar neste Dia Nacional da Pecuária. “A quantidade de leilões e de novos criadores que aderiram ao Senepol durante esses últimos meses foi além das nossas expectativas. E isso nos faz ter a certeza de que estamos caminhando para novos tempos em que o Senepol estará presente dentro de cada porteira, mostrando todas as suas qualidades e auxiliando no desenvolvimento de nossa atividade.”, finaliza o presidente da ABCB Senepol.

Fonte: Grupo Publique